Você está aqui: Página Inicial > Sobre o Campus > História

História do Campus Coxim

O IFMS iniciou atividades em Coxim no segundo semestre de 2010 com a oferta de cursos técnicos a distância em parceria com o Instituto Federal do Paraná (IFPR). Os encontros semanais presenciais ocorriam, provisoriamente, na Escola Estadual Padre Nunes, situada na Rua Pereira Gomes, nº 355, Bairro Novo Mato Grosso.

Na época, o espaço com salas de aula, laboratórios, quadra poliesportiva, biblioteca e auditório foi cedido pela Secretaria Estadual de Educação do Governo do Estado (SED/MS).

No ano seguinte, o Ministério da Educação (MEC) autorizou o funcionamento do campus por meio da Portaria nº 79, publicada em 28 de janeiro, permitindo a abertura de turmas nos cursos técnicos integrados em Alimentos, Informática e Manutenção e Suporte em Informática, o último na Educação de Jovens e Adultos (Proeja).

Ainda em 2011, o campus abriu a primeira turma de graduação, na licenciatura em Química, com ingresso por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

A expansão de cursos prosseguiu nos anos seguintes, principalmente na modalidade educação a distância – com a implantação de polos nos municípios de Camapuã, Sonora, Pedro Gomes e Alcinópolis –, e com o início das atividades do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Destaque também para a oferta do curso profissionalizante de Arte em Cerâmica, oferecido por meio do Programa Mulheres Mil, do Governo Federal, e para a implantação da especialização em Docência para Educação Profissional, Científica e Tecnológica, voltada a servidores do IFMS e à comunidade externa.

O ano de 2014 marcou a inauguração oficial do Campus Coxim. Em cerimônia realizada no dia 11 de abril, foi oficializada a transferência da sede provisória para a definitiva, localizada na Rua Salime Tanure, s/nº, Bairro Santa Tereza. Com cerca de 7 mil m² de área construída, o prédio tem quatro blocos para atendimento aos estudantes.

No mesmo ano, o campus ampliou a oferta na graduação com a abertura de vagas no curso superior de Tecnologia em Sistemas para Internet. Em seguida, foram abertos os cursos de Tecnologia em Alimentos, em 2015, e Engenharia de Pesca, em 2017.