Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Campus Campo Grande inicia atividades em sede definitiva

História

Campus Campo Grande inicia atividades em sede definitiva

Unidade possui 8 mil m² de área construída, 14 salas de aulas, 19 laboratórios, biblioteca, setores administrativos e cantina. O complexo possui ainda quadra poliesportiva e estacionamento.
por Laura Silveira publicado: 31/07/2017 16h56 última modificação: 20/09/2017 12h14
Exibir carrossel de imagens Aulas do 2º semestre começaram nesta segunda-feira no Campus Campo Grande - Foto: Ascom/IFMS

Aulas do 2º semestre começaram nesta segunda-feira no Campus Campo Grande - Foto: Ascom/IFMS

Esta segunda-feira, 31, entra para a história do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) por marcar o início das atividades na sede definitiva do Campus Campo Grande. As aulas do segundo semestre letivo começaram no prédio localizado na Rua Taquari, 831, Bairro Santo Antônio.

A manhã de boas-vindas contou com a presença do reitor do IFMS, Luiz Simão Staszczak. Ele ressaltou que o início das atividades em sede definitiva, na Capital, é a continuidade do trabalho de consolidação do IFMS no Estado.

"Temos novos desafios pela frente, como a cobertura da área de convivência e da quadra poliesportiva, mas mesmo em meio às dificuldades que o país enfrenta, faremos o planejamento em busca de melhores resultados para os estudantes e toda a comunidade”, ressaltou o reitor.

Para a diretora-geral do Campus Campo Grande, Rosane Fernández, a mudança para a sede definitiva possibilitará maior visibilidade do trabalho já realizado pela unidade.

“Este é o ponto de partida para mostrarmos o ensino de excelência que o IFMS oferta. Nosso quadro de servidores, técnicos e docentes, é muito forte, e agora temos o que nos faltava, a infraestrutura de laboratórios. Temos tudo para continuar o trabalho de crescimento e consolidação do campus”, apontou a diretora.

Expectativas - A projeção é que, na sede definitiva da Capital, o IFMS possa atender três mil estudantes com a oferta de cursos técnicos, graduação e pós-graduação.

“A expectativa agora é expandir a oferta de cursos, e consolidar os que já são ofertados por meio de aulas práticas oferecidas em laboratórios equipados, o que é fundamental para a formação técnica de nossos estudantes. Isso implicará também em novas ações de ensino, pesquisa e extensão”, frisou o pró-reitor de Ensino, Delmir Felipe.

A importância dos laboratórios também foi apontada pelo ex-diretor do campus, Joelson Maschio, que esteve à frente da gestão pro tempore do campusentre 2010 e 2016.

“É um momento de alegria, após tantos anos de espera para a mudança. Aqui temos mais estrutura, cinco vezes mais laboratórios do que na sede provisória. Podemos crescer ainda mais, ampliar o número de blocos para poder aumentar também o número de estudantes”.

O primeiro dia de aula na nova e definitiva sede do IFMS em Campo Grande também foi de expectativa para os estudantes.

Gian Ferreira, 15, estava ansioso. “Aqui tem mais estrutura, laboratórios melhores. O ensino do IFMS é diferente, você sai daqui com um diploma e pode entrar no mercado de trabalho. Pretendo seguir estudando na área e cursar Engenharia”, planejou o estudante do curso técnico integrado em Mecânica.

Natália Duarte, 16, do técnico em Informática, chegou entusiasmada. “Teremos uma estrutura melhor, mais comodidade nas salas de aula, que são maiores do que no campus provisório, ainda mais para uma turma grande como a minha”, afirmou a estudante, que pretende ingressar futuramente no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).

Campus – A sede definitiva do IFMS na Capital tem mais de 8 mil m² de área construída. Os cinco blocos abrigam 14 salas de aulas, 19 laboratórios, biblioteca, setores administrativos e cantina. O complexo possui ainda quadra poliesportiva e estacionamento.

De acordo com dados de junho do Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (Sistec), a unidade conta com 2.271 estudantes matriculados no ensino presencial e a distância, nas 17 opções de cursos ofertados.

A área de abrangência do campus inclui ainda os municípios de Bandeirantes, Corguinho, Jaraguari, Nova Alvorada do Sul, Ribas do Rio Pardo, Rochedo, Sidrolândia e Terenos.

Atualmente, o quadro permanente de pessoal conta com 174 servidores, sendo 100 docentes e 74 técnicos-administrativos.

A unidade possui 55 convênios de estágio e cinco acordos de cooperação vigentes. Por meio do Programa de Iniciação Científica do IFMS, são desenvolvidos, atualmente, 23 projetos de pesquisa em diversas áreas do conhecimento.

Histórico – O Campus Campo Grande começou a funcionar em sede provisória em 2010, quando foram oferecidos os primeiros cursos técnicos a distância. Os encontros presenciais eram realizados em uma sala cedida pelo Colégio Militar.

Em 2011, foram abertas vagas para os cursos técnicos integrados em Eletrotécnica, Informática e Mecânica, o superior de Tecnologia em Sistemas para Internet e para cursos técnicos presenciais subsequentes.

Nos anos seguintes, iniciou-se a oferta da especialização em Docência para Educação Profissional e Tecnológica e de cursos de qualificação profissional de curta duração.

Além de formar 740 estudantes em diversas modalidades de ensino, o campus tem se destacado também na área da pesquisa e inovação. Nos últimos anos, foram desenvolvidos 70 projetos de pesquisa em diversas áreas do conhecimento, e concedidas bolsas de iniciação científica a 120 estudantes do ensino técnico integrado e graduação.

O campus promoveu mais de 100 atividades de extensão para a comunidade externa.

Novas ações - Entre os dias 7 e 12 de agosto, o Campus Campo Grande irá promover a edição 2017 do Festival de Arte e Cultura do IFMS. As inscrições estão abertas.

A programação tem como destaque o Festival de Música, que será promovido no dia 11, no Teatro Glauce Rocha, além de visitas a museus e apresentações culturais. Mais informações sobre o evento estão disponíveis na página do Festival.

Na área do ensino, novas vagas em cursos técnicos integrados do IFMS para ingresso em 2018 - inclusive para o Campus Campo Grande - serão ofertadas pelo Exame de Seleção, cujas inscrições devem ter início em setembro.

registrado em: , ,